Um dos sérios entraves de crescimento da indústria brasileira tem sido a falta de mão de obra qualificada para ocupar as vagas de trabalho abertas com a expansão do setor.

 

No Rio Grande do Norte, a indústria têxtil também sofre com o problema, assim como as demais áreas industriais. Para suprir essa carência, entidades como o Senai e o IFRN tem ampliado sua atuação e levado educação profissional de qualidade a municípios interioranos, vazios de oportunidade mas cheios de jovens aptos a ganhar uma formação.

 

Na segunda reportagem da série "Caminhos do Seridó", conheça o trabalho realizado pela equipe do IFRN na cidade de Caicó, e como ele tem ajudado a indústria têxtil a vencer o desafio da ausência de mão de obra.

 

A reportagem é de Edja Lemos e Jéssica Mafra.

em busca da qualificação